Amor Sem Fim – Capítulo 20

UMA NOVELA DE JHEFF REIS

228-copia-copia-6-copia


Cena 01 | Casa de Malu | Quarto de Malu | Dia.

Continuação…

Malu – O que?

Amanda – O Fábio me convidou para jantar na casa dele. Ele quer me apresentar como a namorada dele.

Malu – E você aceitou?

Amanda – Aceitei! Fui errada em aceitar?

Renata – Claro que não! Ele é seu namorado e quer deixar isso bem claro para os desentendidos.

Malu – Realmente você não errou em aceitar.

Amanda – Que bom!

Malu – Só acho que você deve ter cuidado e atenção coma sua tia Cecília.

Amanda – Esse é meu maior medo.

Malu – Ela vai fazer de tudo pra colocar coisas na sua mente. Pra tentar fazer você desistir dessa relação.

Renata – Mas seja firme em tudo o que você disser. Não fique nervosa e se demonstre confiantes pra que ela se sinta ameaçada.

Malu – A Renata tem razão. E é como eu disse, tome cuidado com ela.

Amanda – Por isso que eu agradeço todos os dias por ter duas mães.

Amanda beija Malu e depois beija Renata.

Amanda – Obrigada minhas mães. Agora vou terminar de fazer minhas unhas.

Amanda sai do quarto.

 

Cena 02 | Casa de Estela | Sala | Dia.

Estela arrasta Mônica pra dentro de casa.

Estela (Chegando) – Eu te falei que eu não quero você com aquela menina! Ela é uma má influencia pra qualquer um.

Mônica – Ela só queria a caneta.

Estela – Você acha que eu acredito nessa historia de caneta? Eu não nasci ontem não Mônica, eu não nasci ontem. Vá pra dentro. Você esta de castigo.

Mônica ia para o quarto.

Estela – Antes me dê seu celular.

Mônica entrega o celular a Estela.

Estela – Deixe a porta aberta que eu vou passar lá.

Mônica vai para o quarto.

 

Cena 03 | Casa de Lívia | À Tarde.

Alguém ia apertar a companhia, quando ouve Carlos conversando com Lívia.

Carlos (Gritando) – Lívia! Estou indo passear com o Henrique no parque, você vem?

Lívia (Em Off) – Não! Pode ir, vou terminar de arrumar algumas coisas aqui.

Carlos – Daqui a pouco eu volto!

Uma pessoa se esconde nas escadas. Carlos sai e chama o elevador.

Carlos (Para Henrique) – Vamos brincar no parque. Quer brincar no parque?

O elevador chega. Carlos entra e o elevador desce.

A pessoa desce pelas escadas.

 

Cena 04 | Casa de Malu | Sala | À Tarde.

Bruna chega a casa, Malu vem do quarto para sala ao ouvir a porta abrir.

Malu – Eu estava esperando você chegar.

Bruna – O que foi que eu fiz dessa vez?

Malu – Isso é você que vai me dizer!

Bruna – Eu não fiz nada! Posso ir para o meu quarto?

Malu – Não, não pode! Foi você que andou mexendo nas minhas coisas?

Bruna – Tudo agora que acontece nessa casa a culpa é minha!

Malu – Tudo o que acontece nessa casa é você que apronta.

Bruna – Não precisa se preocupar mais com isso. Em breve eu vou embora dessa casa.

Malu – O que é que você esta falando menina?

Bruna – Foi em mesmo que mexi nas suas coisas.

Malu – Sabia!

Bruna – Mexi! Mexi mesmo e já descobri o nome do meu verdadeiro pai.

Malu – Como é? Você o que?

Bruna – É isso o que a senhora ouviu! Eu já sei quem é meu pai, sei que o nome dele é Marcelo.

Malu – Você não sabe o que você esta falando.

Bruna pega o documento na mochila e mostra a Malu

Bruna – Até quando a senhora ia me esconder isso?

Malu fica sem saber o que dizer.

Cena 05 | Parque aberto | À tarde

Carlos brinca com Henrique na grama.

Alguém os observa.

Carlos – Vamos comer hot-dog?

Carlos pega as coisas e vai até a barraca de hot-dog. Ele coloca Henrique no gramado, perto dele. E coloca os brinquedos.

Carlos – Me vê, por favor, um hot-dog.

Outras pessoas se aproximam para comprar cachorro quente.

A pessoa aproxima-se e pega Henrique, num momento em que Carlos está distraído.

Carlos – Vamos pra casa? Henrique? Meu Deus!

Carlos olha para todos os lados.

Carlos – Henrique? Moça você viu o bebe que estava aqui comigo agora?

Moça – Não!

Carlos corre de um lado a outro perguntando se alguém viu o bebe.

Carlos – Você viu se alguém passou aqui com o bebe que estava comigo?

Babá – Não vi!

Carlos (Põe as mão na cabeça) – Quem será que fez isso?

Carlos segue até onde se encontra dois policiais fazendo ronda.

Carlos – Policiais! Roubaram meu filho. Acabaram de roubar meu filho.

Policial – Como é que foi isso?

Carlos – Eu estava comprando cachorro quente e tinha colocado ele no gramado. Enquanto eu me distrai pra pagar o lanche foi o tempo que ele sumiu.

Policial – Tem foto da criança?

Carlos – Tenho aqui no meu celular.

Policial – Vamos te levar até o posto policial enquanto colocamos o resto da equipe pra fazer uma busca pelo local.

Carlos segue para o posto com os policiais, eles conversam.

 

Cena 06 | Casa de Malu | Sala | A Tarde.

Continuação… Malu discute com Bruna.

Malu – Então você mexeu mesmo nas minhas coisas?

Bruna – Mexi sim! Por que se eu não mexesse eu não ia descobrir que a senhora sempre soube quem é meu pai.

Malu – E o que te dar essa segurança de querer saber quem é seu pai? Você acha mesmo que ele quer saber que você existe?

Bruna – Se ele souber que tem uma filha maravilhosa com certeza ele vai querer me conhecer.

Malu – Você não sabe nada da vida Bruna, nada!

Bruna – A senhora esta falando isso por que eu descobri quem é meu pai.

Malu – Não é! Eu fiz questão de esconder isso por que ele mesmo pediu isso. E você vai se arrepender muito se for atrás dele.

Bruna – Pois eu vou! A senhora querendo ou não.

Malu – Você vai quebrar a cara!

Bruna – A senhora é que vai! Eu vou atrás do meu pai e eu vou mostrar pra todos que ele me ama.

Malu – Acorda bruna, acorda! Ele nem sabe que você existe e nunca fez questão de saber. Tanto é que era um doador anônimo. Ele me pediu pra não deixar você saber quem ele é!

Bruna – Pediu pra você?

Malu – Pediu! Acredito que eu sou a única mãe que sabe quem ele é.

Bruna – Mas a senhora não pode me impedir de conhecer meu pai!

Malu respira fundo.

Malu – Tudo bem! Se quiser ir, vá! Pode ir, mas não se arrependa depois.

Bruna vai para seu quarto.

 

Cena 07 | Casa de Cecília | Quarto de Cecília | À Tarde.

Cecília mexe em algumas fotos.

Cecília – Esse seu amor não vai pra frente Fábio. Não vai! Não vou dar esse gosto a Malu.

Cecília pega o celular. Acessa a lista de contatos e chega ao contato com o nome Débora.

Cecília – É a hora de você voltar!

Cecília inicia a chamada.

FIM DO CAPÍTULO

Escrita por
Jheff Reis

Direção
Vinny Lopes

Realização
ADNTV Ficção 2017

Anúncios

Um comentário em “Amor Sem Fim – Capítulo 20

  1. Malu não conseguiu conter o desejo de Bruna em encontrar seu pai. Essa jovem menina está impossível. Tenho minhas idéias de quem levou Henrique. Será Fernando? (É o nome dele, neh?) E Cecília vai atrás de Débora para acabar com a relação de Fábio e Amanda, mas quem será essa mulher? Talvez uma ex namorada do cara… Parabéns pelo capítulo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s