“A Força do Querer”: Pai obriga Ruy a assumir o bebê de Ritinha

Ritinha (Isis Valverde) e Ruy (Fiuk) em A Força do Querer; mocinha mente sobre paternidade - Reprodução/TV Globo

Ritinha (Isis Valverde) e Ruy (Fiuk) em A Força do Querer; mocinha mente sobre paternidade

228-copia-copia-4-copia

Depois de pedir para Ritinha (Isis Valverde) fazer um aborto, Ruy (Fiuk) será obrigado pelo pai a assumir o bebê. Em A Força do Querer, Eugênio (Dan Stulbach) ficará sabendo da gravidez e terá uma conversa a sós com a “sereia”. O advogado prometerá cuidar da saúde da garota e mantê-la no Rio de Janeiro.

Flagrada por Zeca (Marco Pigossi) com Ruy no dia de seu casamento, Ritinha saiu de Parazinho fugida e inventou que o filho que espera é do empresário. O rapaz pediu que ela faça um aborto. Diante da recusa, a manterá escondida na casa de praia do amigo Amaro (Pedro Nercessian).

Cibele (Bruna Linzmeyer) descobrirá por acaso que o noivo mantém a amante em um esconderijo e resolverá contar para toda a família. Sem saber da gravidez, ela colocará Ritinha em seu carro antes de partir para a casa de Ruy.

Chocada, Joyce (Maria Fernanda Cândido) tentará se livrar de Ritinha e a levará para passar uns dias na casa de Heleninha (Totia Meirelles). Eugênio chegará para resolver o problema, e o assunto da gravidez virá à tona durante a confusão.

“Ruy não contou ainda não, é?”, questionará a “sereia”, diante da reação surpresa de todos. O pai de Ruy pedirá para falar a sós com a garota, que, ao ver a passagem de avião na mão de Joyce, rejeitará a conversa.

“Ninguém vai mandar você obrigada pra lugar nenhum! Dou minha palavra a você que não vai!”, assegurará Eugênio, antes de arrancar a passagem das mãos da mulher e rasgar para convencer Ritinha.

A garota, então, contará ao advogado que Ruy pediu que ela fizesse um aborto. “Vocês querem é tirar meu filho que eu sei, o Ruy já me falou”, acusará ela. “Isso nunca! Não, de forma alguma! Se você está grávida, essa criança nasce! Esqueça o Ruy! Quem assume o comando da situação sou eu!”, rebaterá Eugênio.

Após a conversa do pai com Ritinha, Ruy será obrigado a assumir o filho dela. “O fato concreto é que você vai ter um filho e vai arcar com essa responsabilidade!”, determinará Eugênio.

“Eu nunca disse que não ia! Se nascesse eu…”, tentará argumentar o rapaz. “Se nascesse, não, Ruy: vai nascer! Essa Ritinha fica aqui no Rio pelo menos até o nascimento da criança”, concluirá o advogado.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s