Clichê Adolescente 3 – Capítulo 14 (Últimos Capítulos)

logoalternativoca3

UMA NOVELA DE LUCAS OLIVEIRA 

DIREÇÃO DE VINNY LOPES  

228 - Cópia - Cópia (6)

#HOJE: GEDEON FLAGRA PAI COM AMANTE ABRIGADA PELA MÃE

CENA 01 – CASA DE MIRELY – SALA – TARDE

César e Isadora, não resistiram e se entregaram a paixão ali mesmo, na sala. Cobertos apenas por um lençol, eles se beijam, mas nessa hora, Gedeon adentra pela porta e faz o flagra:

Gedeon: Pai? Isadora? Meu Deus…O que significa isso? – Diz totalmente em choque.

César e Isadora se olham.

César: Calma, meu filho. Não é nada disso que você está pensando – Diz enquanto se levanta tentando se cobrir. Em seguida, corre para o quarto.

Gedeon: Eu não acredito! Eu sabia que você era uma vadia. E pelo visto não me enganei. Como é que você foi capaz de fazer uma coisas dessas? Trair a confiança da minha mãe, uma mulher que te deu uma chance, a diretora da faculdade onde você tá, que se não fosse ela estaria na rua.

Isadora: Você não pode me julgar! Eu sei tudo que sua mãe fez por mim, e sou muito grata a ela.

Gedeon: Não parece! Eu vou contar tudo pra ela. Vou acabar com você, sua vagabunda!

Isadora: (BAIXO) Diz. Diz mesmo, e eu aproveito e conto que o filho dela, tem um caso com outro homem que mora em um apartamento no bairro de copacabana – Diz ao se aproximar dele.

Gedeon para. Ele pensa bem e vê que não vale a pena correr o risco. Com ódio nos olhos ele diz:

Gedeon: Você não vale nada!

César volta do quarto, dessa vez vestido.

César: Pronto, meu filho! Agora a gente pode conversar melhor.

Gedeon: Eu não quero conversar com você. Me esquece! – Diz e sai batendo a porta com raiva.

César: E agora? Ai meu Deus, meu casamento acabou. Ele deve ter ido direto pra faculdade contar tudo pra ele.

Isadora: Fique tranquilo. Ele não vai fazer nada. Eu lhe garanto! Já dei um jeito nisso.

César: Como assim? O que você fez?

Isadora: Logo logo você vai saber. Tenho certeza que a farsa do seu filho, já já vem a tona. Nada fica escondido por muito tempo. Nada! 

CENA 02 – ESCOLA DE MÚSICA – SALA DOS INSTRUMENTOS

Marcos está esperando alguma explicação depois de ter visto Samara alisar a nuca de André.

Marcos: Então, Samara. Você pode me explicar que aula é essa que esta aqui?

André: Marcos, por favor, eu não fiz nada…

Marcos: (CORTA) Não precisa falar nada, André. Eu vi muito bem que foi a cachorra da minha mulher, que foi pra cima de você. Quero ouvir da boca dela. Fala samara! Assuma logo de uma vez!

Samara: (SE APROXIMA DO MARIDO) Assumir o que? Eu só tenho uma coisa pra sumir: que você é um babaca! Um otário, que sempre foi um idiota, mas queria tirar onde de machão. Um bocó que eu só me casei, porque queria sair daquela merda de favela em que eu fui criada. E você, com esse espírito de sempre acreditar e querer ajudar as pessoas, acreditou que eu tava realmente apaixonada por você.

André: Pelo amor de Deus, não fale uma coisa dessas, Samara.

Marcos: Deixa André. Eu quero ouvir ela falar. Fala tudo de uma vez. Joga pra fora tudo que está aí dentro, vai.

Samara: Você quer que eu fale mas o que? Se eu tava dando em cima do André? Tava sim! E quer saber: ele é muito mas bonito, mais tesudo, e mais gostoso que você. E com certeza deve ser muito melhor de cama também, porque só é olhar pro corpo desse homem que eu fico louca.

Marcos: Chega! Cala a boca! (DÁ UM TAPA NA CARA DELA) – Furioso, ele pega a esposa pelo o braço e a expulsa – Some daqui, sua vagabunda! Se eu sou esse inúltio todo, então se manda e vai pra longe de mim. Desapareça!

Marcos joga Samara na calçada que depois que levanta começa a ri ironicamente. Ela chama um táxi e entra. Marcos chora e André lhe apoia:

André: Calma, cara. Não fica assim. Ela não te merecia!

Marcos: Porque isso, André? Porque? – Diz se debulhando em lágrimas. 

CENA 03 – CASA DE ZILDO – SALA – NOITE

Zildo e Alas estão meditando. Luara canta o mantra e não percebe que Zildo está de olho no decote dela. Nesse momento, Magali chega em casa de mãos dadas com Cristiano:

Magali: Ops! – Diz ao perceber que os irmãos estão meditando.

Luara: Silêncio. Não vamos interromper!

Magali: Quê interromper, que nada! A senhora não está vendo que o Zildo não tira o olho do seus peitos?

Zildo: Tá maluca, Magali? – Diz abrindo os olhos e se fazendo de desentendido.

Alas: Hahaha! Tomou, papudo!

Zildo: O que esse cara está fazendo de novo com você, posso saber, magali?

Magali: Eu vim aqui dizer que eu e o Cristiano assumimos o namoro e em breve vamos casar. Agora é oficial, e não tem nada que você possa fazer!

Zildo:  Hã? – Diz boquiaberto com a novidade.

CENA 04 – CADEIA – CELA DADO

Jaciane vem se aproximando. Paco está ao seu lado. Do lado de dentro da cela, Dado vê a ex namorada:

Dado: O que você veio fazer aqui, Jaciane? Rir dá minha derrota?

Jaciane: Muito mais que isso, meu caro. Quero saber se está gostando do tratamento que preparei pra você. Um tratamento vip, digno de uma estrela!

Dado: Deixa de ser irônica!

Paco: Cala a boca, rapaz! Quando a dama fala, o cachorro abana a orelha.

Jaciane: É isso aí. E se depender de mim, você não vai sair daqui tão seu cedo!

Karla chega nesse momento acompanhada de seu advogado:

Karla: Pois é aqui que você se engana! O Dado vai sair daqui sim, querida. E hoje mesmo!

Jaciane se vira supresa e olha pra Karla. As duas se encaram.

CORTA PARA: 

 CA3

Curta a fan page de “Clichê Adolescente 3” e fique por dentro do que vem por aí >> Fb.com/clicheadolescente

ADNTV

bannerpandemonio

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s